Conecte-se Conosco

negocios

Disciplina e dedicação marcam a presença das mulheres no universo do day trade

Publicado

em

Mais resilientes, elas ganham espaço no mercado financeiro

Neste Dia Internacional da Mulher, é importante reconhecer e destacar o papel cada vez mais significativo das mulheres no mercado financeiro, particularmente no setor de day trade. De acordo com dados recentes, as mulheres agora representam impressionantes 22,9% do total de investidores cadastrados, indicando um crescimento alto em sua participação nos últimos anos.

Segundo Bruno Lima, empreendedor visionário, CEO e fundador do Método Nômade, que possibilita que os operadores realizem suas atividades de qualquer local, sem estarem presos a um ambiente físico fixo, o ambiente tradicionalmente dominado por homens está testemunhando uma transição relevante à medida que mais mulheres entram no mundo do day trading. “As mulheres estão mostrando um desempenho notável neste universo. Elas são mais disciplinadas do que os homens, dedicando mais tempo à atividade e combinando arrojo e cautela de maneira excepcional”, conta.

Ivanice Azevedo, 34 anos, natural do Maranhão, é um exemplo inspirador de como a determinação e o compromisso podem transformar vidas. De origem humilde, ela iniciou sua caminhada empreendedora como confeiteira. Hoje, soma 17 anos de casamento com Bruno e decidiu embarcar na jornada do day trade ao lado do parceiro. “É importante ainda ressaltar que operar no mercado financeiro não deve ser uma atividade segmentada por gênero. Mulheres e homens podem ser igualmente bem-sucedidos, só precisam de oportunidades, aprendizagem e bons recursos à disposição”, diz.

Juntos, o casal fundou o Método Nômade, uma empresa que visa oferecer oportunidades de sucesso no mercado financeiro para todos. Ela é a co-fundadora da empresa em ascensão, gerenciando um time com mais de 12 pessoas presencialmente (além de 15 em home office) e atuando na área do planejamento e controle da execução dos trabalhos dentro do negócio.

Dentro do mercado financeiro, as mulheres enfrentam desafios como uma “minoria dentro de outra minoria”, especialmente quando se trata de investimentos de risco. Embora representem uma parcela significativa dos investidores, elas tendem a adotar um perfil mais conservador em comparação com os homens.

Uma pesquisa conduzida pela fintech de saúde financeira Onze revelou que apenas 8,2% das investidoras afirmam realizar investimentos em ações, em contraste com os 19,3% dos homens. “Essa disparidade destaca a necessidade de entender e abordar as barreiras que impedem as mulheres de se envolver mais ativamente em operações de risco no mercado financeiro, promovendo assim uma maior inclusão e diversidade neste setor”, explica Ivanice.

A flexibilidade de horário é um dos fatores que tem atraído as mulheres para o day trade. Ao contrário da maioria dos homens, muitas delas enfrentam múltiplas responsabilidades, incluindo atividades profissionais, cuidados familiares e tarefas domésticas. Nesse contexto, o mercado financeiro oferece uma oportunidade para obterem uma fonte adicional de renda ao mesmo tempo que possuem uma agenda adaptável aos compromissos. “Mas vamos além disso. Queremos que o day trade possa ser, de fato, base para a autonomia financeira dessas mulheres, trazendo maior equidade corporativa entre os gêneros”, conclui.

Sobre o Método Nômade

O Método Nômade oferece uma abordagem inovadora para o empreendedorismo financeiro, especialmente no contexto do Day Trade, uma prática conhecida por sua agilidade e rapidez. Sob a liderança de Bruno Lima, ele permite aos traders buscar lucros explorando as flutuações de preços de ativos em um único dia de negociação.

A abordagem flexível e descentralizada possibilita que os operadores conduzam suas atividades de qualquer lugar, sem estarem presos a um ambiente físico fixo, proporcionando liberdade geográfica e uma nova perspectiva de trabalho. O objetivo é transformar vidas, proporcionando independência financeira e a oportunidade de compartilhar mais momentos com a família, com a liberdade necessária para moldar seus próprios destinos.

Sobre Bruno Lima

Bruno Lima é um empreendedor visionário e especialista no mercado financeiro, reconhecido como o CEO e fundador do projeto Método Nômade. Sua jornada é marcada por uma determinação incansável em busca de flexibilidade, rentabilidade e, acima de tudo, equilíbrio entre vida profissional e familiar. Como pai e marido dedicado, Bruno trilhou seu caminho em busca de uma carreira que permitisse mais tempo ao lado da família.

Com uma base sólida em finanças e uma visão arrojada, ele lançou o Método Nômade, não apenas transformando sua própria trajetória, mas também capacitando e guiando outros indivíduos na conquista da independência financeira e na busca por um estilo de vida mais flexível e significativo. Sua missão vai além do sucesso pessoal, sendo uma fonte de inspiração e orientação para aqueles que buscam um novo caminho no universo das finanças e na construção de um futuro mais próspero. Para mais informações, acesse @brunolimatrader

Continue lendo

negocios

Projeto de educação financeira alcança mais de 900 pequenos negócios em três meses

Publicado

em

De

Ações fazem parte da primeira etapa do programa destinado a disseminar educação financeira entre microempreendedores

O Centro de Apoio aos Pequenos Empreendimentos (Ceape Brasil) lançou, em janeiro de 2024, o Projeto 13º Empreendedor e, em apenas 3 meses, ajudou 956 microempreendedores brasileiros a impulsionarem seus negócios através da educação financeira. O programa foi criado para orientar os gestores, individualmente, sobre temas como potencialização de vendas pela Internet, aprimorar o atendimento ao cliente e otimização de fluxo de caixa. Divididas em cinco dias de ações intensivas, as visitas das equipes do CEAPE aconteceram no período de 13/01 a 13/04. Esta foi apenas a primeira etapa do projeto que, até o final deste ano, pretende impactar cerca de 3.600 pequenos negócios.

“Nossa meta é realizar, em média, cerca de 300 consultorias por mês, e estamos contentes com os números alcançados logo no início. Temos muita convicção de que este trabalho cuidadoso, planejado para orientar os clientes através de um atendimento personalizado, irá fornecer todo o conhecimento necessário para melhorar os resultados de cada um deles”, afirma Claudia Cisneiros, diretora-executiva do Ceape Brasil.
Durante a primeira etapa, as equipes de assessores de crédito tiveram suas atuações nos Estados do Maranhão, Pará, Ceará e Tocantins, dividindo em seis regionais: Amazônica, Ceará, Centro-Oeste, Cocais, Norte e Tocantina.

De acordo com o balanço do Ceape Brasil, 24% das ações realizadas, até o momento, se concentram na Regional Cocais e 23% na Regional Centro Oeste, sendo a soma quase metade das consultorias.

Cada sessão foi focada em um tema: Atendimento ao Cliente (13/01), Vendas pela Internet (20/01 e 17/02), Fluxo de Caixa (09/03) e Gestão Financeira (13/04). A diretora executiva do Ceape Brasil explica as abordagens apresentadas aos microempreendedores.

“Na sessão dedicada ao Atendimento ao Cliente, as consultorias cumpriram um papel de aprimoramento das práticas comerciais dos participantes, desde o fechamento de negócios até ações de suporte. Já as visitas focadas em práticas comerciais pela Internet e potencialização do alcance dos serviços e produtos decorreram durante dois dias, sendo o tema mais trabalhado. As últimas sessões foram destinadas a ensinar o funcionamento do fluxo de caixa e a importância de mecanismos como as planilhas eletrônicas e separação das finanças pessoais e empresariais, entre outros, para o sucesso de um negócio”, explica Claudia Cisneiros.

A empreendedora Carla Leandra Cartagenes, proprietária de uma loja de artesanato e bijuteria em São Luís, no Maranhão, foi uma das clientes que receberam a consultoria do Ceape. Ela já decidiu colocar em prática as estratégias de vendas pela internet. “Achei o projeto muito interessante e vou começar a explorar cada vez mais os meus produtos, selecionando eles da forma correta para melhorar a minha forma de buscar novos clientes. Sou grata pela visita e pela preocupação em nos conhecer enquanto empreendedores”, diz.

Presente no Maranhão, Ceará, Pará, Tocantins e São Paulo, o Ceape Brasil conta com 21 mil clientes ativos, ou seja, com empréstimos em andamento. A instituição é especializada na concessão de microcrédito produtivo, que une empréstimo à educação financeira dos tomadores e já concedeu mais de R$2,5 bilhões em crédito, beneficiando cerca de 1,5 milhão de empreendedores, principalmente na região Nordeste.

Continue lendo

negocios

Diogo Batista: Da Falência à Redenção Tecnológica

Publicado

em

De

Como a Determinação e a Inovação Transformaram a Vida de um Empreendedor

Diogo  Batista enfrentou tempos difíceis quando seu negócio desmoronou sob o peso de dívidas esmagadoras. A falência não apenas consumiu suas economias, mas também o deixou em um estado de desespero e depressão. No entanto, foi durante esse período sombrio que Diogo encontrou uma faísca de esperança na tecnologia.

Inicialmente, ela serviu como uma distração, mas à medida que ele se envolvia com comunidades online, percebeu que poderia usar a tecnologia para reconstruir sua vida e ajudar outros a evitar as armadilhas que ele havia enfrentado. Com determinação renovada, Diogo Batista lançou startups que refletiam sua jornada pessoal e sua missão de trazer inovação e mudança positiva. Hoje, ele olha para trás e vê suas lutas como lições valiosas, lembrando-nos de que a resiliência é a chave para o sucesso. Será que Diogo Batista nos surpreenderá com um “unicórnio” (uma startup de grande sucesso) em breve?

Continue lendo

negocios

A Jornada de Diogo Batista: Como a Tecnologia Transformou um Jovem em Empreendedor de Sucesso

Publicado

em

De

Diogo Batista, um jovem de origens humildes, vivia uma vida comum em sua pequena cidade. A tecnologia não fazia parte de seu cotidiano, e o mundo das startups parecia distante. No entanto, após enfrentar uma fase desafiadora de depressão, Diogo encontrou na tecnologia um refúgio e uma fonte de inspiração.

Durante sua recuperação, ele descobriu um talento natural para entender e criar soluções tecnológicas. O que começou como um hobby logo se tornou uma paixão avassaladora. Diogo Batista mergulhou no estudo autodidata de programação, design de produto e estratégias de negócios. Sua curiosidade se transformou em conhecimento e seu conhecimento em ação.

Com o tempo, Diogo lançou várias startups, cada uma prometendo inovação e mudança. Ele não apenas superou a depressão, mas também usou sua experiência para impulsionar uma carreira notável. Hoje, com dezenas de startups no currículo, Diogo é um exemplo vivo de como a adversidade pode ser um catalisador para o sucesso.

Agora, olhando para o futuro com esperança e determinação, a pergunta que fica é: “Será que Diogo Batista nos surpreenderá com um unicórnio em breve?”

Continue lendo
Propaganda

Destaque